sexta-feira, 5 de abril de 2013

Decoração: "cantinhos" sendo aproveitados!

sim, tema do post hoje é decoração <3
Eu estou tão feliz porque, finalmente, eu fiz a minha segunda tatuagem (coisamaislindaawn <3), e porque ando me animando mais para o final do mês que me brindará com uma mudança para outra cidade e começar uma vida normal. Isso me assusta pra caramba, mas ficar com medinho não vai me ajudar em nada. Então o negócio é ir me ajeitando para as paradas e ir ajeitando as coisas. Eu preciso arrumar MUITA coisa antes de ir (ir ao banco ver minha conta, deixar tudo organizado no netbook pra minha mãe poder usá-lo já que levarei o desktop, etc), e menos que um mês para arrumar tudo. O negócio é que ultimamente eu estava muito obcecada por blogs de decoração. Não sei exatamente o motivo, já que considero inviável a esmagadora maioria dos assuntos tratados (em outro universo paralelo, talvez eu possa ter um apartamento assinado por fulana de tal), mas mesmo assim são tão divertidos <3

Mas aí entra a minha imensa vontade de compartilhar as coisas que eu acho com vocês (qualquer coisa, corre pro meu Pinterest onde estou sempre favoritando coisas do gênero!) e meu eterno complexo de "isso é muito exagerado, só eu que gosto disso". A real é que ODEIO, ODEIO, ODEIO (com todas as forças da minha alma que tem lua em Escorpião) decoração formal, clássica, toda trabalhada em tons de bege-claro, bege-médio e mil tons de brancos (desde branco puríssimo até branco-um-pouco-sujo-meio-opaco). Eu ODEIO. Assim como eu detesto cinza na decoração. Não que eu odeie essas cores, muito pelo contrário. Mas uma casa toda inspirada nesses tons, parecendo a réplica da casa de alguma esposa do Vice-Presidente dos Estados Unidos, eu realmente passo longe. Porque eu sou dessas pessoas que gosta de sofá vermelho, parede amarela e geladeira rosa-super-neon. Eu realmente sou assim.

(e eu realmente amo casas inspiradas em uma vibe mais cigana, indiana ou árabe. Acho muito, muito aconchegante.)

Eu descobri, graças à um blog chamado Lofted, que aquele negócio que nós chamamos simpaticamente de "cantinho da casa" é chamado no meio da decoração, em inglês, de "nook". O que significa uma Luna muito feliz digitando "nook decor" no Google e amando muito tudo isso, porque eu sou a pessoa mais apaixonada por cantinhos, mais do que o resto da casa. Então meio que plagiando o post do Lofted (desculpa aí, Ana Carolina), resolvi fazer uma seleção dos ~nooks~ que eu mais curti <3

(e eu sei que esse tipo de post não é comum, mas, gente, é o tipo de coisa que me relaxa. Não posso falar só de coisa que acaba me estressando)

♥ Na real, eu catei as fotos no Pinterest. Sou muito noob com lá ainda, então, na real, não sei de onde veio cada foto. Desculpa aê :( 



// debaixo da escada: melhor cantinho ever <3

// na foto à esquerda, o cantinho acabou virando um lugar até de receber aquelas visitas mais próximas :)

// eu não gosto muito de preto/branco, mas ficou bem legal esse escritório. na foto à direita, é uma ótima idéia pra quem tem crianças em casa e tem um quartinho não utilizado <3

// um ótimo aproveitamento da parte junto à janela <3

// à esquerda, ainda é o ~debaixo da escada~ sendo usado pra guardar outras coisas.

// eu acredito que o beliche se torne muito mais confortável dessa maneira <3

É um pouco triste constatar que escadas e seus armários não fazem exatamente parte da nossa realidade, então boa parte dessas coisas bonitas simplesmente não se aplicam nas nossas casas (já que essas inspirações são, basicamente, americanas). Mas acredito que a maioria das casas tenham, de fato, um cantinho que acaba não sendo utilizado como deveria e idéias como essas podem ser aproveitadas à nossa maneira <3

Sem comentários:

Enviar um comentário

Se você for amor, tome um chá, sente no sofá, tire uma soneca, fique à vontade que a casa é tua. Se você não for amor, inclusive sendo homofóbico, misógino, transfóbico, racista, etc., eu excluirei sua postagem. Sim, porque aqui é ditadura da minoria e as pessoas que me amam e/ou me lêem não são obrigadas a lerem sua merda. Então pense duas vezes :)